06/11/2014

R-Evolução

O que é melhor? Uma evolução, ou uma rEvolução?
As vezes, é preciso mudar para alcançar objetivos, metas, e até para se adaptar melhor. Mas e quanto a revolução? Será que realmente precisamos mudar drasticamente a nós mesmos para a sociedade? Até que ponto podemos chegar para agradar aos outros? Mesmo que inovar/mudar/crescer/evoluir seja algo bom, acredito que deve ser feito quando realmente sentimos necessidade disso, quando a nossa mente dá um chega pra lá e diz "É hora de mudar".
Eu condeno quem muda por outros além de si próprio, quem muda sem querer, quem muda por dever. Em determinados pontos das nossas vidas sentimos a necessidade de mudar, por algum motivo/razão plausível, ou não.

E não é só á aparência que estou me referindo aqui, digo em modo abrangente, física e mentalmente. Existem aqueles momentos que temos que "desapegar" de algumas coisas, pessoas, relações...e nesses momentos vem aquele frio na barriga, o medo de se decepcionar, de desapontar alguém, ou de não dar certo. É como quando você decide não manter certas pessoas com você, não é o tipo de amizade que quer por perto, mas teme que sinta falta, que corra atrás depois, tem medo que não dê certo. O medo que nos impede de prosseguir, nos impossibilita de mudar, nos proíbe de alterar.

Sempre que vamos mudar algo em nossas vidas, haverá a possibilidade de não dar certo, mas também a possibilidade de obter sucesso. Até porque, se mudamos ou não, não deve ser para ninguém, não é? O que pode dar errado, afinal? Quando tudo o que queremos fazer é agradar a ninguém além de nós mesmos? Evoluir é sempre bom, uma vez que "se todos fossemos iguais, o mundo seria sem graça", não é mesmo?

XX

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...